Estudantes universitários visitam TRE-PB pelo projeto Mandato Legal

Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba recebeu a visita de universitários por meio da EJE-PB


Estudantes universitários visitam TRE-PB pelo projeto Mandato Legal

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), recebeu, na tarde desta segunda-feira (10), por meio da Escola Judiciária Eleitoral da Paraíba (EJE-PB), estudantes de vários cursos, de universidades públicas e particulares, que participam de um projeto da Câmara Municipal de João Pessoa, visa conhecer como funciona, na prática, o processo Legislativo, que estão tendo oportunidade de conhecer a Justiça Eleitoral visitando o TRE-PB. Esta atividade faz parte do Acordo de Cooperação firmado com a Câmara Municipal, dentro do Projeto Mandato Legal, promovido pela EJE-PB.

Os universitários, estagiários da Escola Legislativa da Câmara Municipal, estiveram na sede do TRE-PB, das 14h às 17h, para uma visita guiada, sendo recepcionados pelo presidente do TRE-PB, Desembargador Carlos Marints Beltrão Filho, na Sala de Sessões, ocasião em que acompanharam os julgamentos, orientados pelo Assessor Eduardo Rangel, do gabinete do juiz membro e diretor da EJE-PB, Antônio Carneiro de Paiva Júnior, que falou sobre competências da Justiça Eleitoral.

Após deixarem a Sala de Sessões, onde fizeram uma foto com os membros da Corte Eleitoral, participaram de uma palestra com o Secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação (STIC), José Cassimiro Júnior, sobre segurança da Urna Eletrônica; por fim, visitaram o Memorial da Justiça Eleitoral na companhia do chefe da Seção de Biblioteca e Memorial Institucional (SEBMI), Diogo Barbosa e da servidora Nara Limeira.

Para o presidente do TRE-PB, desembargador Carlos Martins Beltrão Filho, esta atividade além de ser gratificante envolve interesse da cidadania: “É bastante interessante para nós, e importante, nossa Casa é da cidadania, aqui tratamos em questões de matéria eleitoral, como as eleições; nós temos a Escola Judiciária que faz esse trabalho, então, doutor Antônio Carneiro, diretor da Escola, tem feito um trabalho brilhante, e isso para nós, além de ser gratificante, é muito bom ter o público presente nas sessões, participando conosco, principalmente alunos, e a importância é essa, abrir as portas de uma Casa que julga processos, que envolve interesse da cidadania”.

O diretor da EJE-PB, Antônio Carneiro de Paiva Júnior ressaltou a aproximação das pessoas às instituições: “Muito mais importante do que conhecer a sessão de um tribunal, conhecer como funciona o próprio tribunal, os membros e a sua composição, o mais importante do que tudo isso é a aproximação, é saber que por trás da instituição existem pessoas, homens e mulheres que carregam nos ombros a responsabilidade de distribuir Justiça na Jurisdição Eleitoral, que é a jurisdição cidadã”.

Últimas notícias postadas

Recentes

Justiça Eleitoral da Paraíba antecipa expediente

Portaria nº155/2019, publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) em 19 de março de 2019, transfere expediente da Secretaria do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) e das Zonas Eleitorais.